in

Como vive Pelé, aos 79 anos, é de cortar o coração; fragilidade e depressão

Jovem Pan

Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, é uma das pessoas mais conhecidas de todo o planeta. Até pouco atrás, o maior jogador da história do futebol mundial, era figura carimbada em muitos eventos esportivos mundo a fora.

Publicidade

Nos últimos anos, Pelé se isolou. Hoje, raramente ele é visto fora de sua mansão e os motivos foram revelados por seu filho Edinho.

Pelé passou por cirurgias no quadril e não se recuperou de forma adequada. Edinho contou detalhes de como o pai vive atualmente e a situação é de cortar o coração.

Publicidade

“Ele tá bastante fragilizado em relação à mobilidade. Ele fez o transplante do quadril e não fez uma reabilitação adequada, ideal. Então, ele está com esse problema da mobilidade, que acaba acarretando uma certa depressão”, contou Edinho.

Publicidade

O filho do Rei do Futebol continuou. “Imagina, ele é o rei, sempre foi uma figura tão imponente, e hoje ele não consegue mais andar direito. Ele fica muito acanhado, muito constrangido com isso. Mas está bem, tirando isso e tirando a natureza da idade e tudo mais”, revelou o ex-goleiro do Santos.

Publicidade

Pelé escreveu seu nome na história do futebol com as dezenas de títulos conquistados com a camisa do Santos e o tricampeonato mundial pela seleção brasileira, em 1958, 1962 e 1970.

Fora de campo, o Rei colecionou muitas polêmicas. A maior delas diz respeito a não ter assumido Sandra Regina como filha. Exames provaram que Pelé era o pai dela. Sandra morreu aos 42 anos, em 2006, sem ver Pelé reconhecendo a paternidade. Por conta dessas contradições, muitas pessoas separam o Pelé jogador do Edson Arantes.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!