in

‘Demitido ao vivo no Jornal Nacional’, repórter se revolta e joga tudo no ventilador

TV Globo

O caso de Neymar Júnior com Najila Trindade causou repercussões gigantescas no mundo todo. Mas quem nunca esquecerá deste caso é o repórter Mauro Naves, que acabou sendo um dos grandes prejudicados de toda esta história.

Publicidade

O jornalista foi acusado de ter passado o telefone do pai de Neymar para o primeiro advogado de Najila Trindade. Mauro é amigo próximo de ‘Neymar pai’ e do advogado José Edgard Bueno, que estava a frente da acusação.

A situação em que o jornalista passou o telefone para o magistrado ocorreu no dia 30 de maio, um dia antes de Najila registrar um Boletim de Ocorrência contra o jogador e o caso viralizar.

Publicidade

No entendimento da cúpula global, Mauro Naves tinha um “furo internacional” e deixou de dá-lo para preservar amizades. O jornalista acabou sendo demitido.

Publicidade

Foi triste e vexatório ser anunciado (a demissão) no Jornal Nacional“, disse Mauro Naves, meses após a polêmica. Primeiramente o repórter foi afastado, no dia 5 de junho de 2019, e somente em janeiro seu contrato findou e ele pôde falar sobre o assunto.

Publicidade

Por mais que não tenha sido demitido imediatamente, Mauro entende que teve seu contrato suspenso através de uma edição do Jornal Nacional. O jornalista tem outra versão da história dada pela Rede Globo de Televisão.

O jornalista diz que passou realmente o telefone para o advogado, após explicar para o pai de Neymar que tinha uma acusação contra seu filho e um advogado tentando fazer acordo.

Entretanto, segundo Mauro, Najila se desentendeu com esse primeiro advogado e a notícia “não aconteceu“. O repórter teria esperado a notícia acontecer para dar o furo, porém a saída do advogado do caso foi o que impediu. Mauro ficou 31 anos na Globo.

Publicidade
Destaque: Mulher quase é presa por emagrecer demais! Confira
Publicidade
Publicidade

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: brunoavilaprof@outlook.com