in

Filme sobre Suzane Von Richthofen ganha primeiro trailer; detalhes são para estômago forte

UOL

Um dos crimes de grande repercussão nacional, e que deixou muita gente chocada, será retratado através de filmes, com data prevista para lançamento no dia 2 de abril de 2020. A história de Suzane Von Richthofen, que arquitetou a morte dos pais no ano de 2002, chegará aos cinemas em duas versões.

Publicidade

A Menina que Matou os Pais contará a versão de Daniel Cravinhos, à época namorado de Suzane; enquanto O Menino que Matou Meus Pais irá narrar a versão da jovem sobre os assassinatos.  Segundo a produção do filme, o público poderá analisar os dois pontos de vista e tirar suas próprias conclusões sobre o crime.

O filme promete ser para quem tem estômago forte, devido aos detalhes que serão narrados na história. Carla Diaz, que interpretará Suzane Von Richthofen, disse estar chocada com o enredo do filme, pelo fato de contar um caso real de conhecimento público. “É uma história tão trágica e tão chocante para todo mundo”, destacou a atriz.

Publicidade

O ator Leonardo Bittencourt, que ficou com a missão de interpretar Daniel Cravinhos, também deu seu parecer sobre o filme, que promete chocar o público. “Você aprende História para não cometer os mesmos erros”, disse o artista, afirmando ainda que recebeu o apoio de familiares e amigos para interpretar tal papel, mesmo sendo um caso de muita comoção nacional.

Publicidade

O trailer do longa foi divulgado nesta segunda-feira (3) e já está dando o que falar; veja:

Publicidade

A produtora do filme fez questão de informar que não tem relação com nenhum dos autores do crime e tem como fonte os autos do processo.

Publicidade
Destaque: Mulher quase é presa por emagrecer demais! Confira
Publicidade
Publicidade