in

Atriz de Éramos Seis realiza sonho ao homenagear os avós na trama

UOL

A atriz Maria Eduarda de Carvalho soube que tinha sido aprovada no teste para fazer a novela Éramos Seis, através da sua avó, Isabel de Carvalho. Com 82 anos de idade, a idosa ligou para a neta depois que leu em um jornal que a atriz havia sido escalada para fazer o remake da autora Ângela Chaves. A artista disse que falou com a avó que não estava sabendo de nada, e a senhora a respondeu para da um jeito e ir fazer a novela.

Publicidade

Ela conta que a felicidade vem de uma memória de afeto entre as duas, quando assistiram o romance adaptado de Maria José Dupre (1898-1984), no qual o SBT exibiu em 1994. No entanto, Maria Eduarda se sente realizando um sonho de família ao ser intérprete de Olga, papel esse que pertenceu a Denise Fraga quando foi escrita por Silvio de Abreu.

A atriz disse que as lembranças da novela se misturam com as da época em que ela conviveu com os seus avós em um sítio que eles moravam no Rio de Janeiro. Maria Eduarda e os primos passavam as férias e os finais de semana no local quando crianças. Portanto, afirma que esse trabalho a deixa emocionada diante de tantas memórias.

Publicidade

Mesmo depois de três meses gravando, a atriz ainda se sente comovida quando grava as sequências interpretando a irmã mais nova de Lola na trama.

Publicidade

Em vários momentos eu fico profundamente emocionada, me lembrando da história de vida deles. São pessoas que viveram aquele tempo, e minha avó também deu várias voltas no marido, como as mulheres da trama”, confidencia a carioca.

Publicidade

Atualmente, a atriz compartilha a mesma experiência com a filha Luíza, de 9 anos de idade, conta que a menina ama a novela e está ansiosa para ir nos bastidores conhecer as crianças que interpreta os seus filhos na trama.

Publicidade
Publicidade
Publicidade