in

BBB20: Para ter participantes patrocinados por marcas, Globo mudou as regras

UOL

O professor de Educação Física e lutador de MMA, Fábio Alano, foi desclassificado da edição do Big Brother Brasil em 2019 ainda no pré – confinamento, faltando apenas três dias para a estréia do reality.

Publicidade

A Rede Globo não quis revelar o motivo, mas o próprio participante falou sobre o assunto e disse que o motivo de ter sido desclassificado foi porque ele não informou a Globo que tinha patrocínio de uma marca famosa.

Fábio disse que tinha contrato vigente e não contou porque já estava em cima da hora, com muita informação nova chegando pra ele, somente depois foi possível perceber que uma das cláusulas do contrato violava as regras, o que gerou a sua eliminação antes mesmo de entrar na casa.

Publicidade

Mas, um ano depois, tudo mudou no reality. Vários confinados do BBB20 mantém contrato de patrocínio com marcas que não possuem nenhuma relação com o programa. Alguns integrantes do grupo camarote ainda fazem publicidade através de vídeos que continuam sendo divulgados nas suas redes sociais.

Publicidade

Questionada sobre o tratamento diferente que os confinados do BBB20 estão tendo, a Rede Globo afirmou que houve mudanças nas regras do programa. Disse que as regras e cláusulas contratuais são de acordo com cada edição e vale para todos os confinados da temporada. Afirmou ainda que dentro da casa, o que importa são as ações comerciais desenvolvidas pela emissora.

Publicidade

Vale lembrar que a participante Bianca Andrade, conhecida como Boca Rosa, apareceu na televisão depois da votação do paredão, em um dos horários de maior audiência no domingo com uma roupa jeans preta e chapéu. Minutos depois, a rede social da moça já estava com várias fotos dela com o look utilizado. As fotos foram tiradas antes da carioca entrar na casa e utilizadas para fazer a divulgação da marca.

Publicidade
Publicidade