in

Maníaco de Marituba: após filha ser abusada e morta, pai desabafa e comove com declaração

Site Paragominas

Jennyfer Karem da Silva Monteiro tinha apenas 20 anos e foi uma das dez vítimas do Maníaco de Marituba. O adolescente de 17 anos está apreendido. Das dez mulheres que foram enganadas e atacadas, duas morreram.

Publicidade

Jennyfer morreu na quarta-feira (22), depois de ficar internada por 12 dias no Hospital Metropolitano de Ananindeua. O corpo foi velado em Belém, capital do Pará, e o enterro foi marcado por forte comoção.

Enquanto aguardava a liberação do corpo no Instituto Médico Legal, o pai de Jennyfer desabafou e comoveu com as declarações sobre a morte da filha.

Publicidade

“Meu coração está destruído e de muitos outros pais também, que estão sentindo a minha dor”, afirmou. Jennyfer foi enganada pelo maníaco.

Publicidade

Ele usou um perfil falso em uma rede social para entrar em contato com a vítima. Se passando por uma mulher, agendou serviços estéticos em domicílio. Jennyfer foi encontrada com vida, mas bastante ferida, no dia 11 de janeiro.

Publicidade

O pai dela falou sobre o episódio mais triste de sua vida. “Era uma criança que não tinha maldade que foi para aquele lugar inocentemente, sem pensar que ia acontecer uma coisa dessa. Ela foi trabalhar, ‘tava’ querendo ter o dinheirinho dela e acontece uma situação dessa”, afirmou o pai de Jennyfer.

No dia do ataque, Jennyfer estava com a irmã. As duas saíram de Belém e foram para Marituba, na Região Metropolitana. O maníaco estava de bicicleta e disse que só poderia levar uma de cada vez. Jennyfer foi primeiro e a irmã depois.

Segundo à sobrevivente, o rapaz demorou duas horas para voltar para buscá-la. A jovem também foi atacada e implorou para não ser morta. O pai contou os detalhes do que ocorreu.

“Fomos até a Alça Viária, lá encontramos minha filha toda cortada, batida, com o pescoço todo roxo… e a minha outra filha (Jennyfer) encontraram depois. Uma ambulância já veio trazendo minha filha em coma. Eu fiquei em desespero”, contou.

Além de Jennyfer, a outra vítima fatal foi Samara Mescouto. Nesta morte, o adolescente teria contado com a ajuda de um homem adulto. Identificado como Jaderson Menezes Alves, ele foi preso.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!