in

Com Vanderlei no gol e Pedro de centroavante, Grêmio monta equipe forte para 2020

Divulgação Grêmio

O objetivo principal do Grêmio é chegar forte em 2020. Para isso, a equipe segue monitorando o mercado em busca de contratações para reforçar a equipe nesta nova temporada.

Publicidade

A meta principal é bater de frente com o Flamengo. Em 2019, a equipe carioca dominou o futebol brasileiro e conquistou o Campeonato Brasileiro e também a Copa Libertadores da América.

O Tricolor foi um dos adversários do Flamengo de Jorge Jesus, mas a equipe de Renato Portaluppi acabou levando a pior. Na Libertadores, o Flamengo eliminou o Grêmio nas semifinais ao empatar o jogo de ida, em Porto Alegre, e golear por 5 a 0 na partida de volta, no Rio de Janeiro.

Publicidade

O Grêmio segue sendo montado para 2020 e a projeção do time que Renato pode escalar, considerando atletas já contratados e aqueles que são possibilidade, chamam a atenção.

Publicidade

O goleiro seria Vanderlei, que está no Santos, mas receberá proposta oficial do Grêmio. Ele substituiria Paulo Victor, que foi bastante criticado neste ano.

Publicidade

Na defesa, Geromel e Kannemann seriam os zagueiros. A lateral-direita deve ser ocupada por Victor Ferraz, contratado junto ao Santos. Caio Henrique é a possibilidade na lateral-esquerda.

O meio-campo seria formado por Matheus Henrique, Lucas Silva, Alisson, Luciano, Everton. O centroavante do time seria Pedro. O atleta da Fiorentina interessa ao time gaúcho.

Então, a equipe do Grêmio ficaria assim: Vanderlei; Victor Ferraz, Geromel, Kannemann, Caio Henrique; Matheus Henrique, Lucas Silva, Alisson, Luciano, Everton; Pedro. É um time forte, que poderia bater de frente com o Flamengo se encaixasse o futebol.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!