Esposa de Asa Branca diz que tirou locutor de hospital após agressões e clima fica tenso

PUBLICIDADE

Sandra, esposa do locutor Asa Branca, alega que decidiu retirar o marido do hospital onde ele se encontrava internado e o motivo seria o fato do paciente ter sofrido agressões. O locutor luta contra um câncer na boca e o quadro é grave.

PUBLICIDADE

Asa Branca teria sido internado no Icesp – Instituto do Câncer do Estado de São Paulo, no dia 14 deste mês para tratar um câncer na boca, mas no dia 21 recebeu alta médica. Só que o estado de saúde dele agravou e foi preciso levá-lo para o Hospital Municipal vereador José Storopolli nesta última sexta-feira, dia 27.

Recentemente foi feito um post no perfil oficial de Asa Branca no Instagram e a mensagem relata que a família do locutor resolveu tira-lo do hospital neste último sábado (28), devido a ‘inaceitáveis agressões’. Sandra, esposa do locutor, ainda disse em um vídeo que o marido seria retirado do hospital porque estaria ‘sendo maltratado’.

Devido a inaceitáveis agressões sofrida pelo locutor Asa Branca dentro do hospital Vereador José Storopolli. Sua esposa Sandra, pediu para assinar a alta de seu marido, mas negaram. E disse que eles só sairiam de lá sem autorização alguma, assim sendo considerando como evasão. Querendo transferir a responsabilidade do hospital para a esposa Sandra“, informou o comunicado divulgado.

PUBLICIDADE

A assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo negou todas as acusações através de uma nota, alegando que não houve agressões e que todos os atendimentos realizados aos pacientes são humanizados.

Ainda de acordo com a nota, Asa Branca apresentou ‘oscilação comportamental, com momentos de agitação, confusão mental e agressividade’.