in

Grêmio bate o martelo sobre o retorno do lateral Edilson; ele tem 33 anos e salário alto

Lucas Ueber

O Grêmio segue em busca de reforços para a temporada 2020. Uma das posições em que busca atletas é para a lateral direita. Depois de contratar Victor Ferraz, ex-Santos, o Tricolor segue em busca de mais um nome para a posição.

Publicidade

Edílson, ex-lateral do clube, jogou a temporada 2019 pelo Cruzeiro. Aos 33 anos, o jogador tem um salário alto e não vai permanecer na equipe mineira, que acabou rebaixada para a Série B do Campeonato Brasileiro.

O destino provável seria o Grêmio, mas a diretoria do Tricolor parece ter batido o martelo: Edílson não deve ir para o Grêmio. Pelo menos nas condições atuais.

Publicidade

O atleta tem 33, idade considerada e elevada, e recebe um alto salário. Este é um empecilho muito grande para que o negócio seja fechado.

Publicidade

O Tricolor busca reforços, mas quer equilibrar as finanças e não gastar mais do que pode para reforçar o time para o ano que vem.

Publicidade

O negócio seria viável apenas se Edílson aceitasse uma redução salarial. Este cenário só seria possível se o jogador não recebesse nenhuma proposta.

À diretoria do Grêmio, ele teria falado que deseja retornar ao Tricolor. No ano que vem, o Grêmio disputa muitos torneios importantes.

Além do Campeonato Gaúcho, nos primeiros meses do ano, o time de Renato Portaluppi joga também a Copa do Brasil, a Copa Libertadores da América e o Campeonato Brasileiro.

Edílson foi campeão da Copa do Brasil (2016) e Libertadores (2017) pelo Grêmio. Aquela foi a segunda passagem do atleta pelo Tricolor. A terceira passagem parece estar longe da realidade.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!