in

Após matar Eliza Samúdio, goleiro Bruno é tratado como ídolo: ‘Meu herói’

Extra / Montagem

O goleiro Bruno Fernandes ficou conhecido no país inteiro por ter sido um dos ídolos do Flamengo. Bruno estava no auge, chegando até mesmo a ser cogitado para assumir o papel de titular na defesa da seleção brasileira de futebol. Os sonhos de Bruno Fernandes foram interrompidos, após ele ser acusado e condenado pelo assassinato da então amante, a modelo Eliza Samúdio. 

Publicidade

Eliza tinha um filho com Bruno e a relação dos dois não era boa. Nos últimos anos, ele ficou pagando pelo crime na cadeia, mas recentemente teve vitória na justiça e, aos pouco, começa a conviver com outras pessoas, desfrutando da liberdade. 

Uma foto divulgada nesta quarta-feira, 25 de dezembro, com Bruno e torcedores do Flamengo, por exemplo, dividiu opiniões. “Queria agradecer a receptividade, carinho de todos! Me senti muito amado, querido, acolhido e muito feliz!!! Que Deus possa abençoar a cada pessoa que veio até mim hoje, que pediu uma foto, autógrafo, ou que simplesmente veio apertar a minha mão, me desejar sorte, me parabenizar pelo meu recomeço!”, diz Bruno ao comentar o post polêmico. 

Publicidade

Veja abaixo a publicação feita na rede social, que mostra o goleiro que um dia já atuou pelo Flamengo e que agora tenta continuar o seu caminho esportivo, mesmo após o assassinato de Eliza Samúdio:

Publicidade

Publicidade

Nos comentários da foto, não faltaram elogios para Bruno. Alguns disseram que o ex-goleiro era um “grande herói”, enquanto outro que Deus o perdoaria. “Meu herói, bem que podia voltar a jogar no Mengão”, chegou a dizer um dos internautas ao falar sobre o assunto, que, rapidamente, tomou conta da web. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.