in

Padre Marcelo Rossi revela qual foi a maior dor que sentiu em sua vida e fala em milagre

Expocatolica

Aos 52 anos de idade, o padre Marcelo Rossi resolveu contar qual foi a maior dor que sentiu em toda sua vida. O sacerdote já passou por muitas coisas, mas para ele nada foi tão dolorido como no dia em que uma mulher o empurrou durante uma missa.

Publicidade

Ele caiu de uma altura de dois metros e apesar de não ter se ferido gravemente, sentiu fortes dores e disse que foi um milagre.

Foi a maior dor que eu já senti em 52 anos da minha vida“, contou o religioso ao se lembrar do dia 14 de julho deste ano, quando ele estava celebrando uma missa em Cachoeira Paulista e foi empurrado de cima do palco.

Publicidade

Cinco meses após o susto, padre Marcelo Rossi diz que só agora consegue ver a dimensão do que aconteceu e como as coisas poderiam ter acabado de forma trágica. No início deste mês ele retornou ao local onde tudo aconteceu. Lá chegou à conclusão de que viveu um milagre.

Publicidade

Não tem explicação, era para, no mínimo, eu ter me estourado todo ou estar tetraplégico ou não estar aqui (…) Não tenho dúvida nenhuma que foi um milagre“, afirmou o sacerdote em uma entrevista para o portal F5.

Publicidade

Padre Marcelo disse que fica arrepiado só de imaginar a dor que sentiu após o tombo, mas que teve uma força muito grande que o ajudou a levantar-se e voltar para o palco, onde continuou a celebrar a missa.

O religioso contou que apesar da dor, teve um sentimento de perdão, lembrando o que disse na época: “Minha delegacia é a capela, o meu B.O. é Bíblia e oração”. Ele garante que em nenhum momento ficou com raiva da mulher e seu sentimento era de gratidão a Deus pela vida.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Russel

Sempre ligado a tudo que acontece no Brasil e no mundo, estou sempre trazendo as últimas notícias sobre o mundo dos famosos, reality shows, filmes, músicas, novelas e programas de televisão de um modo geral. Aqui você ficará sempre muito bem informado. Se quiser entrar em contato, fique à vontade: russelmy@yahoo.com.br