in

Filho de Gugu fica contra a mãe em atitude na abertura do testamento

Fotomontagem: Bruno Avila / R7 / TERRA

A abertura do testamento do apresentador Augusto Liberato gerou situações indelicadas para a família. Primeiramente, a viúva Rose Miriam foi muito assediada por advogados que estariam interessados no dinheiro.

Publicidade

Tanto o escritório de advogados contratado recentemente pela viúva, quanto a família do apresentador, divulgaram notas explicando que Rose teria tomado uma atitude por puro assédio e influências de pessoas má-intencionadas.

O escritório de advogados afirmou que Rose foi assediada por alguns profissionais, dentro e fora do Brasil. A família emitiu uma outra nota, em que relatou que a viúva foi influenciada por seus parentes para contratar uma nova equipe de advogados.

Publicidade

Esta atitude de Rose poderia gerar uma grande demora no compartimento da herança de Gugu. Rose e os três filhos de Gugu foram levados para uma casa, onde iriam assinar uma procuração para contratar esta segunda equipe. A viúva aceitou, e assinou, por influência de parentes.

Publicidade

João Augusto Liberato foi contra a própria mãe nesta atitude e não aceitou assinar nenhum papel. Logo depois disso, Rose entendeu que esta decisão poderia prejudicar a divisão dos bens e voltou atrás em sua decisão.

Publicidade

O momento de dor da viúva de Gugu não foi respeitado. Rose foi duramente assediada por advogados. Os próprios parentes da viúva, que perdeu recentemente o marido, a influenciaram a assinar um documento em uma briga por prováveis maiores direitos. Contudo, a família de Gugu, por meio da irmã Aparecida Liberato, relatou que está tudo resolvido, e a viúva está protegida.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: brunoavilaprof@outlook.com