in

Globo deve demitir Luciano Huck após anúncio histórico

VEJA

A TV Globo deve demitir o apresentador Luciano Huck, caso ele confirme que será mesmo candidato à presidência da república. Um respeitado colunista político, o jornalista Kennedy Alencar, confirmou nesta terça-feira, 17 de dezembro, que o comunicador vai mesmo ser candidato à presidência em 2022.

Publicidade

Com a decisão, Huck obrigatoriamente já ficaria fora do ar nos meses que antecedem as eleições, mas os critérios internos da Globo são ainda mais severos. Para a emissora, um candidato ligado fortemente a um cargo público não pode continuar nos quadros do canal. Ou seja, além de ser desligado, Huck não voltaria a atuar na emissora, ganhando ou perdendo a eleição. 

Na nota dada por Kennedy Alencar na rádio CBN, é dito que o apresentador garantiu a interlocutores que, dessa vez, não iria desistir, como aconteceu no ano de 2018. O apresentador oficialmente ainda não fala sobre a nota dada pelo veículo do próprio Grupo Globo, que já dá até por qual partido Huck deve ser candidato, o Cidadania. 

Publicidade

Luciano, caso assim insistir, viraria uma terceira hipótese forte na briga eleitoral de 2022. Conhecido por ser ‘bom samaritano” em seus programas, o comunicador viraria uma opção diante da guerra Partido dos Trabalhadores (PT) e Bolsonaro.

Publicidade

Em pesquisa eleitoral divulgada pela VEJA/FSB, eu um provável segundo turno, Luciano aparece ganhando de Haddad no segundo turno e empatado com Bolsonaro. A pesquisa é de outubro desse ano. Considerando apenas o primeiro turno, Huck oscila entre o segundo e terceiro lugar, a depender do cenário. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.