in

Novas projeções de economistas para inflação e PIB até o fim do ano

UOL

A economia brasileira felizmente está com a inflação controlada, mesmo com o impacto que o custo elevado da carne bovina tem causado, subindo a mesma, a projeção oficial de acordo com economistas é de que o ano feche em 3,86%, anteriormente estava calculado em 3,84%.

Publicidade

Há um porém, essa foi a sexta vez consecutiva em que a inflação foi lançada para cima. Isso sim pode comprometer o desempenho da economia, especialmente no que diz respeito de como começará o ano de 2020.

Inicialmente, já estão traçadas as expectativas inflacionárias para o próximo triênio. Para 2020 espera-se que o IPCA fique próximo a 3,6%, já em 2021 ela deve estar em torno de 3,75% e em 2022 é esperado o que seria o menor patamar histórico, sendo projetado em 3,5%.

Publicidade

As expectativas projetadas pelos economistas são satisfatórias, já as metas do governo são bem próximas, até para se ter uma margem de manobra. Segundo a União, a inflação do próximo triênio serão de 4,25% em 2019 (isso, para este ano), já 2020, 2021 e 2022 seriam de 4%, 3,75 e 1,5 (para cima ou para baixo), isto, a projeção de 2022 pode apontar um cenário de inflação negativa.

Publicidade

PIB crescendo

O PIB – Produto Interno Bruto, também teve suas projeções efetuadas. Ainda este ano, é esperado que o PIB fique em 1,12%, a projeção anterior era de 1,10%. Em 2020, o crescimento seria de 2,24%, em 2021 e 2022 é esperado que o índice de crescimento se mantenha em aproximadamente 2,5%.

Publicidade

Dólar

As projeções para o dólar são que a moeda norte-americana encerre o ano em R$ 4,15. Em 2020, única projeção feita, a moeda ficaria cotada em R$ 4,10.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Evandro

O mundo do entretenimento é a minha vida.