in

Silvio Santos é denunciado no Ministério Público por racismo

UOL / Reprodução: SBT

Um caso colocou o nome de Silvio Santos em total declínio. O apresentador, e dono do SBT, foi acusado de ter sido racista com uma das participantes de sua atração dominical, O Programa do Silvio Santos. Por ser a única candidata negra, uma atitude do animador com a cantora Jennyfer Oliver causou polêmica.

Publicidade

Jennyfer venceu a votação do público, com uma grande diferença, mas Silvio deu um prêmio igual a todas e selecionou outra vencedora. A cantora se pronunciou sobre o assunto e disse que não tomaria medidas cabíveis, pois isso não adiantaria, mas a Bancada Ativista da ALESP (Assembleia Legislativa de São Paulo), não deixou barato.

Publicidade

Publicidade

Silvio foi denunciado, pela Bancada, ao Ministério Público. A denúncia diz que Silvio tinha quatro candidatas, sendo só uma negra, e que esta foi a única interrompida durante sua interpretação, pois o animador havia dito que sua música era chata. Mesmo com essa interrupção, Jennyfer teria ganhado disparadamente.

Publicidade

A denúncia apresenta que, tirando Jennyfer, todas as candidatas, inclusive a vencedora escolhida por Silvio, eram brancas. No texto da denúncia, uma prisão do dono do SBT é cogitada. A Bancada diz que a atitude de Silvio poderia ser tipificada no artigo 20 da Lei 7.716/89, que considera crimes, de preconceito de raça ou cor, como inafiançáveis. A pena apontada pela legislação é de um a três anos e multa.

Recorrendo ao 5° artigo da Constituição Federal, o deputado que apresentou a denúncia, diz que o crime é imprescritível. Além do mais, o texto relembra outros casos em que Silvio também teria tido algum tipo de atitude que remete ao racismo.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: brunoavilaprof@outlook.com