in

Tiago Volpi quer ficar no São Paulo e permanência só depende da diretoria

Divulgação São Paulo

A torcida e os jogadores do São Paulo comemoraram a vitória sobre o Internacional, por 2 a 1, no Morumbi, na noite de quarta-feira (4), como se fosse um título.

Publicidade

A vitória garantiu o Tricolor na fase de grupos da Copa Libertadores da América de 2020. A torcida do São Paulo tem uma relação especial com o torneio sul-americano.

O time conquistou a Libertadores em 1992, 1993 e 2005. O sonho do tetracampeonato existe desde então, mas alcançá-lo não é nada fácil. Hoje, no continente, existem diversas equipes fortes, como Flamengo e River Plate, os finalistas deste ano.

Publicidade

Após a comemoração pela classificação, a torcida se volta ao planejamento que está sendo feito para o ano que vem. O goleiro Tiago Volpi, que tomou conta da posição e estancou a crise que existia no gol do Tricolor, ainda não tem certeza se vai ficar.

Publicidade

Tiago Volpi concedeu entrevista e falou sobre isso. Deu a entender que quer ficar e sabe que esse é o desejo dos torcedores.

Publicidade

Nesse momento é uma resposta que só papai do céu lá de cima sabe, nesse momento só ele sabe, acho que tem algumas coisas para serem encaminhadas, o clube já sabe o meu desejo, os torcedores já sabem também, então eu espero que até o final do ano isso possa ter um desfecho feliz“, afirmou Volpi sobre sua permanência.

Ele pertence ao Querétaro, do México, e o clube mexicano pede R$ 21 milhões para vender Volpi em definitivo ao São Paulo. A diretoria do São Paulo teria prazos a cumprir se quiser ficar com o jogador. Uma parte teria que ser paga até o fim deste ano.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!