in

Antes de morrer, Gugu fez pedido especial à família; é emocionante

RECORD

Nesta sexta-feira, 22 de novembro, uma triste notícia acabou surpreendendo os brasileiros. Aos 60 anos, depois de dois dias de agonia, faleceu em Orlando, nos Estados Unidos, o apresentador Gugu Liberato. A notícia demorou a ser dada devido a um protocolo internacional, que espera 48 horas para confirmar a morte cerebral do paciente.

Publicidade

Gugu havia sofrido um acidente em sua mansão, caindo de uma altura de quatro metros e batendo com a quina em um móvel. A situação do comunicador foi irreversível. Antes de morrer, Gugu Liberato teria solicitado à família que respeitasse um dos seus desejos, o de doar órgãos. Mais detalhes sobre essa doação foram revelados pelo site da Revisa Quem, que revelou que a doação deve ajudar até cinquenta pessoas, que podem estar na fila de hospitais, lutando pela vida.

Publicidade

Publicidade

O comunicado divulgado pela assessoria de Gugu Liberato confirmou também que era vontade dele a doação dos órgãos. Como Gugu teve morte cerebral, a maior parte dos órgãos dele podem ser aproveitadas. Esse processo, no entanto, pode ser bastante longo. Ainda neste sábado, esse procedimento de doação continuava.

Publicidade

Só depois do procedimento de doação de órgãos, os médicos assinam o atestado de óbito e assim começa o processo de translado para o Brasil. Após esse documento, a expectativa é que o corpo de Gugu demore para chegar entre quatro a cinco dias no Brasil.

Ou seja, o corpo de Gugu, provavelmente, deve chegar ao solo brasileiro apenas na quinta-feira. Após esse período, começa então o velório e enterro do apresentador.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.