in

Ex-Globo polemiza: ‘Jamais olharia para Maju como pessoa de pele negra’

Rede Globo

A ex-apresentadora da TV Globo, Carla Vilhena, decidiu comentar a repercussão negativa de publicações feitas por ela, em que falava sobre o desempenho de Maju, que desde o mês passado é a titular do Jornal Hoje, substituindo Sandra Annenberg, que agora está no Globo Repórter. Na ocasião, Carla Vilhena criticou o tom durante a cobertura da morte do diretor Jorge Fernando, que faleceu aos 64 anos de idade. 

Publicidade

Segundo Carla, ela apenas falou sobre a cobertura e o trabalho de Maju, pois seu lado professora acabou sendo mais forte do que a análise de que um comentário, por mais construtivo que fosse, acabaria sendo entendido de uma outra maneira. 

“Eu jamais, nunca faria algo para magoar alguém, principalmente a Maju, uma pessoa tão doce e maravilhosa. Eu sou professora de vários jornalistas em formação, pessoas que querem trabalhar na TV. Naquele momento, a professora falou mais forte”, disse a jornalista, como mostra uma matéria do portal de notícias UOL.

Publicidade

Segundo Carla, ela errou ao não analisar o quanto Maria Júlia Coutinho era importante para a luta dos negros, além de não ser uma pessoa comum. Por isso, qualquer coisa que seja dita e envolva ela pode ser mal estendido, como foi o que acabou acontecendo. Vilhena diz ainda que quem acompanha o seu trabalho sabe que ela jamais faria qualquer coisa que fosse preconceituosa. 

Publicidade

Carla ainda revela que ficou frente a frente com Maju, após o episódio.“Falei com ela, falei ‘tem toda a razão se estiver chateada comigo. Gostaria que você lembrasse da minha história, de quem eu sou, da sua colega e me perdoasse por essa falta do entendimento de toda a situação pela qual já passou'”, explicou ela ao UOL.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.