in

8 sinais que podem indicar câncer no fígado; doença é altamente letal e silenciosa

Divulgação/Curapelanatureza

O câncer é uma das grandes preocupações da saúde pública atualmente. Ele pode atingir qualquer órgão e, por isso, é importante que as pessoas fiquem atentas aos sinais que o organismo dá. Em alguns tipos, a enfermidade é silenciosa e, até que o paciente descubra, pode ser tarde demais.

Publicidade

No ano de 2011 a 2015, o Brasil teve mais de 44 mil pessoas que perderam a vida, vítima da doença, sendo uma das principais responsáveis pelo desfecho fatal o diagnóstico tardio. Infelizmente, a maior parte dos casos acaba sendo descoberto tarde demais no país. Esses dados foram publicados no estudo sobre carcinoma. A pesquisa teve o objetivo de estudar o cenário atual do país.

O tumor maligno no fígado é um tipo de câncer que tem sua origem nas células que formam o órgão e, geralmente, é uma doença bem agressiva. Alguns sintomas acabam aparecendo somente quando a enfermidade está em um estágio mais avançado. Entre os sinais estão a falta de apetite, dor na região abdominal, barriga inchada, coceira na pele, enjoo, olhos na cor amarelada e emagrecimento sem motivo aparente.

Publicidade

Pessoas que sofrem com gordura no fígado, diabetes, cirrose hepática, quem usa anabolizantes ou tem infecção crônica com hepatite B ou C tem maior possiblidade de ter a doença. O consumo de álcool também é um fator de risco. Casos de colangite esclerosante ou colite ulcerativa também tem uma tendência maior para desenvolver o tumor maligno no fígado.

Publicidade

Para detectar o câncer, é necessário realizar exames de imagem na região abdominal, ou seja, a tomografia ou o ultrassom. Esses exames podem detectar a existência de nódulos no órgão. Contudo, é importante ressaltar que nem todo tipo de cisto ou nódulo é sinal de câncer. Somente o médico é capaz de analisar se existe algum risco.

Publicidade

Caso o profissional detecte alguma alteração suspeita, será feito uma biopsia para comprovar se existe alguma célula cancerosa no fígado. Portanto, o ideal é saber identificar os sinais da doença precocemente. Veja abaixo alguns sinais de câncer no fígado.

Entre os sintomas estão o inchaço da barriga, perda de peso sem nenhuma motivação, falta de apetite, cansaço extremo, enjoos, coceira na pele, olhos e pele amarelados. Esses sinais costumam surgir quando a enfermidade está em estágio mais avançado da doença.

O diagnóstico precoce é o ideal, pois o câncer em estágio mais avançado pode reduzir consideravelmente as chances de cura de um paciente. Por isso, fique atento aos sinais que o corpo dá e na dúvida sempre procure a ajuda de um profissional.

Publicidade
Publicidade