in

Drama sem fim: prefeito de São Paulo descobre nova doença, agora no coração

G1 / Montagem

Bruno Covas, prefeito de São Paulo, do PSDB, deu uma entrevista neste domingo, 3 de novembro, ao Fantástico, programa da TV Globo. Nela, o prefeito que assumiu o cargo após a vitória de João Dória como governador, em 2018, revelou que estava confiante para passar pelo tratamento de quimioterapia. 

Publicidade

O prefeito tem ainda outros problemas de saúde, apesar de ser bem jovem. Um deles é o tromboembolismo pulmonar. Nesta segunda-feia, 4 de novembro, no entanto, o G1 trouxe novidades no quadro de saúde do político, revelando que no local onde foi injetada a primeira sessão de quimioterapia, que seria próxima ao coração, houve uma novidade ruim. 

De acordo com o boletim médico obtido pelo portal de notícias da Globo, o prefeito estaria com um coágulo no coração. Exames detectaram essa nova disfunção no corpo do político na parte do  átrio direito, junto ao cateter venoso central. Os médicos revelaram que ele, por conta disso, continuará internado. 

Publicidade

A internação, de acordo com especialistas, no geral, ocorre para fazer uma adequação dessa medição. Na entrevistada dada ontem ao Fantástico, Bruno Covas, que chegou a aparecer ao lado do seu filho pequeno, confirmou que estava confiante para o tratamento contra a quimioterapia, mas ainda não sabia desse novo problema. 

Publicidade

“Um ecocardiograma realizado dia 3/11 no prefeito Bruno Covas mostrou novo coágulo, no átrio direito. Exames subsequentes, entre os quais uma angiotomografia arterial e venosa do tórax, demonstrou redução dos sinais de tromboembolismo pulmonar e o surgimento de um pequeno trombo junto ao cateter venoso central”, diz a nota divulgada pelo hospital que atende Bruno Covas, no estado de São Paulo. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.