in

Internautas comemoram morte do neto de Bolsonaro e causam revolta

Instagram Eduardo Bolsonaro

A família do presidente Jair Bolsonaro sofreu uma grande perda no sábado (2). Heloísa Wolf, esposa de Eduardo Bolsonaro, sofreu aborto espontâneo do primeiro filho do casal, com apenas 9 semanas de gestação.

Publicidade

Ela fez o anúncio por meio de uma publicação no Instagram. “Muitas mulheres acabam passando por isso e guardando em segredo: por culpa, frustração, medo, tristeza, vários motivos. Eduardo e eu fomos hoje fazer minha segunda ultrassom transvaginal e descobrimos que minha gestação de 9 semanas não evoluiu. Tive um aborto espontâneo, o coraçãozinho do meu bebê já não bate mais aqui dentro”, comentou Heloísa.

A psicóloga ainda usou a postagem para falar com as mulheres que já sofreram aborto. Muitas se culpam por isso, mas “em torno de 20% das gestações são interrompidas até a 22ª semana”, comentou Heloísa.

Publicidade

Publicidade

Nas redes sociais, muita gente lamentou a perda – mesmo aqueles se posicionam politicamente em lado oposto ao da família Bolsonaro. Mas também houve quem comemorasse o aborto.

Publicidade

“A mãe natureza rejeitando a reprodução dessa espécie”, comentou um internauta no Twitter. Houve quem concordasse com o comentário. “Eu ri alto”, escreveu uma outra internauta. Mas a maioria criticou o post.

“Não comemoro o aborto, mas que evitar que mais um Bolsonaro habite o mundo não podemos negar que é uma vantagem”, ironizou outro internauta. “Acabei de ver um menino ironizando o aborto da esposa do Eduardo Bolsonaro. Sabe, é assim que se iguala a bolsominion. Sendo ignorante e satirizando a dor alheia”, criticou mais uma. 

Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!