in

Marcas cancelam anúncios em boicote à Globo e defesa a Bolsonaro

TV Globo / Veja

O telejornal mais conhecido e visto do Brasil, o Jornal Nacional, exibiu na última semana uma série de reportagens, nas quais acabava vinculando o nome do presidente da república, Jair Bolsonaro, ao assassinato da vereadora Marielle Franco, do PSOL, no Rio de Janeiro. No entanto, essas reportagens acabaram gerando muitas críticas na imprensa e no meio político. 

Publicidade

O que ninguém poderia imaginar é que grandes marcas se posicionassem contra a postura do telejornal, tecendo graves críticas à principal emissora do país. Algumas, inclusive, revelaram que, em boicote ao noticioso, vão retirar suas propagandas da emissora. A informação foi dada com destaque pelo site Bem Paraná e pelo 24 Horas News. 

Entre elas, estão pelo menos uma famosa marca de supermercados, além de uma rede imobiliária. O anúncio, de acordo com as empresas, é mesmo como um protesto ao que aconteceu no ar. 

Publicidade

Em notas divulgadas, a rede de supermercados diz que é  contra à linha editorial da TV Globo, que nega que esteja perseguindo o presidente da república, mas apenas fazendo jornalismo. Vale lembrar que a matéria dizia que um porteiro teria dito em depoimento que o acusado pela morte de Marielle Franco teria ido no dia do assassinato no condomínio do  então candidato à presidência, Bolsonaro. A visita ainda teria ocorrido na data do crime. Essas informações foram negadas pela investigação. 

Publicidade

“Em vista do posicionamento duvidoso da Rede Globo em relação à pessoa do nosso Presidente da República, comunico que hoje tomamos a decisão em nossa empresa de cancelar nossas inserções em todo o jornalismo nacional da emissora”, diz nota da rede de supermercados.  

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.