in

Inspirado em série americana, pais recorrem à justiça para registrar nome diferente

Divulgação/G1

A escolha de um nome é sempre muito importante para os pais e também para a criança. Afinal de contas, ela vai carregar para sempre durante sua existência. Contudo, alguns pais abusam da criatividade na escolha e por esse motivo em algumas situações o cartório acaba recusando.

Publicidade

Foi isso que aconteceu com um jovem casal morador da cidade de Patos de Minas, interior de Minas Gerais. Robson Silva Brito e Michele Marcolino da Silva precisaram recorrer à justiça para conseguir registrar a filha. Após mais de um mês do nascimento da criança, a pequena foi registrada na última sexta-feira, 01 de novembro.

A justiça se manifestou sobre o caso, depois que o cartório recusou o nome escolhido pelos genitores. O caso foi julgado e o pedido julgado procedente de maneira parcial. O juiz responsável pelo caso sugeriu que os pais fizessem uma pequena alteração baseada o padrão da língua portuguesa.

Publicidade

Inspirados em uma série, Robson e Michele queriam colocar o nome da filha de Enberly com ‘n’, porém o juiz somente autorizou que o nome fosse registrado como Emberly com ‘m’. Os pais aceitaram e conseguiram registrar a criança. O magistrado deixou claro em sua alegação que o significado e a origem do nome não seriam passiveis de constrangimentos, como havia alegado o cartório quando recusou registrar a recém-nascida.

Publicidade

A inspiração dos pais foi em uma série americana chamada As Crônicas de Shannara. O nome escolhido pelo casal, Enberly, é uma referência a um personagem, a princesa Amberle do Filme.

Publicidade

Após quase 40 dias de luta, os mineiros finalmente conseguiram registrar a filha, que já nasceu em meio à polêmica. Com o registro, a criança já pôde ter o cartão do SUS – Sistema único de Saúde, algo que preocupava o casal. O cartão é importante para que o recém-nascido possa receber os cuidados essências no começo da vida, como por exemplo as vacinas.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Shyrlene Souza

Redatora na web desde 2016, formada em ciências contábeis, apaixonada pela redação desde criança. Escrevo sobre assuntos diversos, famosos, maternidade e notícias que se destacam no Brasil e no mundo.