in

Caso do Pirulito no trem: veneno é encontrado em corpo e detalhes são para estômago forte

Extra / Reprodução

Recentemente, um caso acabou chocando o país. Uma menina de 14 anos ganhou um pirulito em um trem da SuperVia, no Rio de Janeiro, e horas depois veio a passar mal e morrer. A menina, identificada como Lorrana Madalena da Luz Manoel, era moradora do município de São João de Meriti, e estava voltando de um curso, quando recebeu um pirulito. 

Publicidade

Perícia confirma chumbinho em corpo de menina, que morreu após ganhar pirulito

Para a família da menina, o doce estava envenenado. Nesta sexta-feira, 25 de outubro, a polícia revelou que a perícia feita no corpo da adolescente provou que ela teria sofrido envenenamento. 

De acordo com a perícia, foi encontrado chumbinho no estômago da menor de idade. O delegado Vinícius Ferreira Domingos informa ainda no registro de ocorrência do episódio que, após o atendimento na UPA, médicos concluíram que, pela situação que a menina apresentava, ela só poderia estar envenenada. 

Publicidade

Os médicos, no entanto, não acreditam que um pirulito tivesse quantidade suficiente de chumbinho para matar uma criança. Agora a principal hipótese é que o veneno estaria em um lanche comido pela menina na rua. 

Publicidade

Delegado que investiga envenenamento da menina Lorrana diz que nada está descartado

“— Nenhuma linha de investigação está descartada. Trabalhamos com várias frentes de apuração. O que pode se dizer é que houve um envenenamento”, explicou o delegado ao falar sobre o assunto. Nas redes sociais, o caso acabou ganhando grande repercussão e fez uma velha máxima volta em voga, a de que não se deve aceitar nada de estranhos nas ruas. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.