in

Avenida Brasil: 5 cenas icônicas que a Globo deve cortar na reprise

Notícias da TV / Reprodução

A novela Avenida Brasil reestreou recentemente na tela da Globo. O primeiro capítulo foi o maior para uma estreia do Vale a Pena ver de novo em 20 anos.  A volta de Carminha (Adriane Esteves), Nina (Débora Falabella) e companhia também movimentou as redes sociais. No entanto, pelo menos 5 cenas podem ser cortadas pela Globo na reprise exibida à tarde, como mostra o site Notícias da TV.

Publicidade

Esses cortes acontecem devido à classificação indicativa da faixa. Ou seja, uma novela deve evitar cenas de violência, sexo e outras mais fortes nesse horário. A seguir, selecionamentos algumas cenas icônicas que não devem ir ao ar em Avenida Brasil nessa reprise. 

1 – Enterrada viva

Uma das cenas mais marcantes de Avenida Brasil: foi quando Carminha e Max decidem dar uma lição em Nina. Os dois a enterram viva. Nina ainda sai da sua cova, em uma cena digna de filme de terror. Dificilmente, essa sequência será mostrada na reprise da Globo.

Publicidade

2 – Me serve, vadia

Outra cena que virou meme na época em que Avenida Brasil foi ao ar, mas que não deve ser exibida nessa versão é o momento em que Nina obriga Carminha a servir-la. A frase “Me serve, vadia” não é própria para o horário.

Publicidade

3 – Carona no caminhão de lixo

Revoltada com as derrotas para Nina, Carminha fica bêbada e pega uma carona em um caminhão de lixo. A personagem pede ao motorista para levá-la ao inferno, o lixão da trama. 

Publicidade

3 – ‘Sem nada’ em jogo

Suelen faz uma performance completamente sem nada em um jogo exibido na trama. No entanto, isso não deve ser mostrado à tarde pela Globo. 

5 – Pole dance da vitória

Carminha dá uma apimentada para Max no Pole dance. No entanto, essa sequência também não deve ir ao ar nessa versão atual da trama. 

Publicidade
Destaque: Mulher quase é presa por emagrecer demais! Confira
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.