in

Mãe joga filha no lixo quando descobrem doença, mas anos depois ela é outra criança

Criatives

Muitas pessoas esperam com muita ansiedade a chegada de um filho, considerando isso como uma grande dádiva e felicidade para a família. Só que infelizmente algumas delas não levam todo esse amor em conta e devido a um problema de saúde, descartam o próprio filho sem qualquer compaixão.

Publicidade

Um caso muito triste, mas que teve um final feliz, passou pelas mãos de Sara Con, que trabalha com terapia recreativa. A mulher se mudou para o Haiti com o intuito de cuidar e dar apoio a todas as crianças que ela pudesse, principalmente as que tinham alguma deficiência ou estivessem em situações precárias.

Ela estava trabalhando em uma unidade hospitalar quando viu uma mulher segurando sua filha nos braços, e em minutos viu essa mesma mãe jogando a criança na lata do lixo, como um descarte. Ao examinar a criança, Sara descobriu que ela tinha nascido com hidrocefalia.

Publicidade

A profissional ficou bastante comovida com o caso e resolveu adotar a bebê, mesmo sabendo que passaria por situações difíceis, ainda mais que os médicos disseram que ela tinha poucas chances de sobreviver. Mesmo assim, Sara lutou pelo bebê que decidiu adotar.

Publicidade

Enfrentando as mais diferentes dificuldades ao longo de três anos, a bebê está muito bem, vivendo com sua nova mãe em Louisiana, nos Estados Unidos. A mulher diz que trata a filha como o máximo de amor possível, pois tem a consciência que pode ser o último momento de sua filha.

Publicidade

Mesmo que os momentos de cuidar de uma criança com essa doença tenha as suas dificuldades, é possível comprovar que o tratamento correto e o amor pode apresentar uma excelente recuperação. A bebê está muito bem, tem domínio sobre a sua cabeça, visão, tronco e consegue interagir com todos em volta.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Nado Calegari

Sou formado em Sistemas de Informação com pós-graduação em Gerenciamento de Projetos em T.I. Além de atuar como programador há 8 anos, trabalho também como redator há cerca de 3 anos, o que fez despertar uma nova paixão. Tanto que, atualmente, sou graduando em Letras - Português e Inglês. Escrevo sobre tudo o que envolve o mundo do entretenimento, além de falar sobre esportes e as principais notícias do dia a dia. Pode entrar em contato comigo através do e-mail nado_news@hotmail.com .