in

Após ver noiva grávida morrendo no altar, viúvo fala sobre saúde do bebê

Reprodução: Revista Crescer

A história do Tenente Gonçalves ficou conhecida em todo o país. O que era para ser um momento feliz, acabou tornando-se um duro momento na vida do oficial. Jéssica Victor Guedes, 30 anos,  grávida de sete meses, morreu minutos antes do “SIM”.

Publicidade

Vestida de noiva, ela chegou ao local da igreja onde se casaria com o tenente. Ali mesmo, no entanto, ela desmaiou.  

Por sorte, o tenente tem formação como bombeiro,  cargo ocupado antes do atual.  No entanto,  nem isso foi capaz de salvar a sua amada, que chegou com um quadro de AVC em um hospital paulista, onde morreu. Os médicos tiveram que fazer uma cesárea de emergência, na tentativa de salvar Sophia. 

Publicidade

Noivo nega que bebê corra risco de morte após perder esposa

Sophia nasceu com 29 semanas e tem apenas um quilo. No entanto, de acordo com o tenente, que deu uma entrevista para a Revista Crescer, quando contou que ele e Jéssica namoravam há sete anos e que, recentemente, ela havia decidido trocar o anticoncepcional. Foi então que veio a notícia da gravidez, 

Publicidade

O tenente lembra da felicidade sobre a gestação. O casamento já estava marcado para 15 de novembro, mas devido à gestação, ele foi antecipado em dois meses. Com a morte da esposa, o tenente ainda teve uma atitude nobre. Doou toda a comida para crianças carentes. 

Publicidade

Veja abaixo o vídeo publicado pelo viúvo,  que mostra ele cantando para a bebê, que nasceu muito pequena e está internada em um hospital de São Paulo:

Ao chegar com a mulher desacordada no hospital, começou a correria. Primeiro, os médicos deram a notícia de que Sophia havia nascido. A informação boa, no entanto, mesclou-se com o desespero.  Isso porque mais tarde houve a confirmação da morte cerebral de Jéssica. 

“Ela estava quentinha, tinha batimentos cardíacos e eu comecei a fazer massagem nos pés dela. A Jéssica sempre adorava as minhas massagens. Depois de conseguir me controlar e ficar lá por um tempão, eu tive coragem para avisar a todos que o pior havia acontecido”, disse o viúvo, que agora arruma forças para cuidar de uma criança sem mãe. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.