in

Multicampeão pelo Flamengo sobre Jorge Jesus: ‘Tem problema de caráter’

Wesley Santos/Agência PressDigital

Durante entrevista à rádio goiana “Rádio 730”, o ex-técnico do Flamengo que dirigiu a equipe rubro-negra nas conquistas mais marcantes da história do clube no ano de 1981, Paulo César Carpegiani, Copa Libertadores da América e Mundial de Clubes, fez polêmicas declarações sobre uma atitude de Jorge Jesus que o desagradou muito.

Publicidade

Para o ex-técnico, o lusitano falhou com a ética profissional ao iniciar negociações com o time da Gávea durante o período em que Abel Braga ainda comandava a equipe, durante o primeiro semestre do ano. O ídolo rubro-negro  lembrou o episódio que Jesus fora assistir uma partida do brasileirão entre Atlético MG e Flamengo, na época o possível destino do português fora apontado como o clube mineiro que supostamente conversava para contratá-lo, o que acabou por não se concretizar.

Logo depois , Abel Braga pediu demissão por se sentir traído pela atual diretoria do clube carioca. Carpegiani classificou tal postura como um “problema de caráter” da diretoria do Flamengo e de Jorge Jesus.

Publicidade

Carpeggiani  na entrevista em questão afirmou não concordar com a postura e atitude de JJ  no caso da negociação com o Flamengo no período que Abel Braga ainda era técnico, alegando falta de profissionalismo. Posteriormente afirmou para a rádio: “A direção errou, também. Para mim, é problema de caráter”.

Publicidade

Entretanto, Carpegiani fez questão de reconhecer e elogiar o atual trabalho extremamente competente de Jorge Jesus, que ao chegar levou o time carioca a liderança isolada do campeonato brasileiro bem com as semifinais da Copa Libertadores da América, mas fora eliminado da Copa do Brasil.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade