in

Caso Aline: polícia tem novas imagens que podem esclarecer o crime e 15 pessoas são ouvidas

Arquivo pessoal Aline

A morte da jovem Aline Dantas, de 19 anos, em Alumínio, interior de São Paulo, segue sem conclusão. A polícia investiga o caso e pode chegar ao assassino nos próximos dias.

Publicidade

Aline Dantas desapareceu no dia 8 de setembro e o corpo foi encontrado três dias depois em uma região de mata de Alumínio, cidade vizinha a Sorocaba. Ela saiu de casa para comprar fraldas para a filha pequena e não retornou mais.

Neste domingo (15), centenas de pessoas foram às ruas na cidade do interior protestar contra a morte de Aline e pedir justiça. Os moradores querem que o autor do assassinato seja preso. Enquanto isso não acontece, todo mundo convive com o medo.

Publicidade

A delegada Luciane Bachir, que cuida do caso na Delegacia de Investigações Gerais de Sorocaba, informou que 15 pessoas já foram ouvidas até a manhã desta segunda-feira. O número pode aumentar nos próximos dias. O teor dos depoimentos não foi revelado.

Publicidade

Ainda segundo a delegada, a polícia recebeu novas imagens de câmeras de segurança de locais por onde Aline teria passado. As únicas imagens disponíveis até o momento mostravam a jovem na farmácia onde foi comprar a fralda para a filha de 1 ano e 10 meses e, depois, em uma rua.

Publicidade

As novas imagens podem ajudar a polícia a chegar ao autor do crime. Paralelo a toda comoção pela morte de Aline, familiares e amigos se juntam para arrecadar fraldas e leite para a filha da jovem. Além disso, está sendo arrecadado ajuda para a mãe de Aline. Ela trabalha como diarista e não retornou ao serviço desde a morte trágica da filha.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!