in

Bolsonaro vai pagar pensão vitalícia a criança com microcefalia por zika

Planalto / Vida Saudável

O presidente Jair Bolsonaro assinou medida provisória que prevê pagamento de pensão vitalícia a crianças que nasceram com microcefalia em decorrência do zika vírus. Serão contempladas com o benefício as famílias de crianças nascidas entre 2015 e 2018.

Publicidade

Com a medida, 3,1 mil crianças receberão a pensão no valor de um salário mínimo. A medida foi elogiada nas redes sociais. A vigência é imediata, mas o Congresso Nacional precisa referendar em até 120 dias.

Segundo dados do governo, há 3.112 crianças cujas famílias recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC), que também é de um salário mínimo. Quem optar pela pensão especial perde o direito ao BPC já que os dois benefícios não são cumulativos.

Publicidade

Neste cenário, o melhor para as famílias é optar pela pensão especial. O BPC é vinculado ao ganho mensal familiar. Mães que recebem este benefício e arrumam emprego perdem o direito a receber. Além disso, o BPC não pode ser requerido.

Publicidade

O ministro da Cidadania, Osmar Terra, explicou a situação durante o evento de assinatura da MP. Segundo ele, as mães não podiam ter emprego porque perdiam o direito ao BPC. Com a MP, isso acaba. As mães poderão ter um emprego e receber o pagamento mensal.

Publicidade

Osmar Terra também afirmou que a epidemia de zika que assolou o Brasil não foi devidamente controlada pelo Estado, que deveria agora arcar com as consequências e assumir a responsabilidade.

Além do presidente Jair Bolsonaro e do ministro Osmar Terra, a primeira-dama Michelle Bolsonaro também participou do evento de assinatura da MP.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!