in

Palmeiras aceita vender atacante para o Catar e aguarda aval de mano para fechar

Reprodução: Trivela.com - Edição: Leandro Matos Duarte

Parece que a vida do torcedor palmeirense não anda nada fácil, isso porque o verdão vive um dos momentos mais difíceis do ano, eliminado da copa do Brasil e libertadores, o clube agora luta para salvar o ano tentando levantar a taça do campeonato Brasileiro. Muito pressionada, a diretoria do Palmeiras não aguentou e demitiu Luiz Felipe Scolari. No início dessa semana já foi feito o anúncio do novo técnico, trata-se de Mano Menezes.

Publicidade

O Mandatário chega para dar outra cara ao Palmeiras, após assumir o cargo muitas mudanças devem acontecer no elenco, o técnico tem carta branca para realizar seu planejamento da maneira que achar melhor. Agora quem também está de saída do clube após demissão de Felipão é o atacante Miguel Borja, ele que foi a contratação mais cara da história do Palmeiras está de malas prontas para sair do clube.

Segundo o portal “​Calciomercato”, Borja deve se tranferir para o Al-Rayyan, do Catar. A princípio a negociação seria por empréstimo, com validade de 1 ano. O Palmeiras deve lucrar cerca de R$ 4,5 milhões com essa negociação. O verdão ainda cederá ao clube do catar o direito de compra, caso aja interesse ao fim do contrato, pelo valor de R$ 40 milhões.

Publicidade

Quando Borja chegou ao Palmeiras foi criada uma grande espectativa em cima do Colombiano, isso porque ele era o atual artilheiro da Libertadores e tinha status de estrela. O atleta foi recebido no aeroporto de São Paulo com grande festa da torcida. Contudo, após algumas atuações o jogador não caiu no gosto da torcida e se encontra como terceira opção para o ataque após a chegada de Luiz Adriano.

Publicidade

Deyverson e Luiz Adriano tinham a preferência de Felipão para atuar no ataque, o Palmeiras aguarda Mano assumir o comando da equipe para que aja o seu aval e possa concluir a negociação.

Publicidade
Publicidade
Publicidade