in

Gravação de Luciano Huck termina com bombeiros, ambulância e hospital

Reprodução: TV Globo

O programa Caldeirão do Huck é um dos de maior audiência da Rede Globo de Televisão. O apresentador exibiu neste sábado, 17 de agosto, um quadro cujo objetivo era mostrar um recorde mundial.

Publicidade

Ao todo, 2019 pessoas foram colocadas enfileiradas e amarradas a colchões. O objetivo era formar o maior dominó humano com o uso do utensílio já realizado em todo o planeta. 

O recorde acabou sendo batido e entrou no Guiness Book, o livro dos recordes. No entanto, nem tudo acabou bem, como mostra uma matéria publicada nesta segunda-feira, 19 de agosto, pelo colunista Léo Dias, do portal de notícias UOL.

Publicidade

Um senhor teria se machucado, durante a iniciativa. A ação acabou terminando mal para ele, pois envolveu a ação do corpo de bombeiros, uma ambulância e até mesmo a levada do participante ao hospital. 

Publicidade

De acordo com Léo Dias, a própria Globo falou sobre a situação em uma nota enviada ao colunista, como mostra o texto a seguir, dando detalhes sobre o caso: “Enquanto participava da gravação, um dos participantes sentiu dores no joelho e avisou à produção ao final da dinâmica, relatando também que já tinha problemas nesta articulação. Após receber os primeiros atendimentos dos bombeiros e equipe médica que acompanhavam a gravação, ainda no local, foi levado para o hospital para avaliação e recebeu alta no mesmo dia”, disse a nota do canal carioca. 

Publicidade

Vale lembrar que o quadro com Luciano Huck já havia criado polêmica por mostrar o apresentador usando uma camisa vermelha e fingindo que trechos gravados, na verdade, eram ao vivo.  Luciano foi bastante criticado. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.