in

Filho de Flordelis se cansa e revela quem mandou matar o próprio pai; ‘foi ela?’

Veja / Extra

Nesta sexta-feira, 16 de agosto, o assassinato do pastor Anderson do Carmo, marido da deputada federal Flordelis, ganhou um novo capítulo. Isso porque um dos filhos de Anderson, Lucas Cézar dos Santos de Souza, confessou que ajudou no crime que matou o próprio pai. De acordo com ele, pouco antes do assassinato, ele teria recebido mensagens que partiram do celular da deputada federal Flordelis. 

Publicidade

Nessas mensagens, o texto era claro e o pedido de assassinato ficava evidente. No entanto, Lucas lembra que não apenas a deputada usava o celular e que ele, após receber as mensagens, tentou ligar de volta para o aparelho. A deputada, no entanto, não devolveu a ligação porque não estaria em casa. 

Então o questionamento é quem então estaria interessado na morte do religioso. Lucas conta que uma das irmãs adotivas, após o episódio das mensagens o procurou. Marzy teria oferecido a ele R$ 5 mil para dar cabo do pastor. Na época, de acordo com Lucas, ele não teria aceito matar o próprio pai. 

Publicidade

Questionado sobre o porquê da negativa, o jovem diz que tinha tudo o que queria e precisava. Lucas diz apenas que ajudou a comprar a arma que matou o pastor, mas que o outro irmão, Flávio dos Santos Rodrigues, teria dado os tiros. 

Publicidade

Na própria página do site do jornal carioca Extra, inúmeros internautas comentaram a situação. “A casa de satanás também é cheia de gente entrando e saindo.Tem Flordelis no jardim,bíblia em cada cômodo e toca música evangélica no último volume”, disse um dos internautas criticando a família de origem evangélica, mas cheia de problemas. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.