in

Repórter da Globo é acusada de tratar morador de rua com nojo e apresentador se revolta

TV Globo / Fernando

O telejornal Bom Dia São Paulo protagonizou um momento polêmico nesta terça-feira, 6 de agosto. A repórter Sabrina Simonato entrou ao vivo no telejornal local falando sobre a vida dos moradores de rua na maior cidade do país. No entanto, um telespectador não gostou da ação e acusou a profissional de, durante uma entrevista, tratar com “nojo” um dos moradores de rua. 

Publicidade

O comentário acabou sendo mostrado ao vivo durante o Bom Dia Brasil e foi lido por Rodrigo Bocardi, que se revoltou ao vivo e garantiu que somente leu o comentário para ser democrático. A colega dela de noticioso, Glória Vanique, também não ficou muito à vontade com a situação. 

Diferente de Bocardi, no entanto, Glória fez questão de defender Sabrina e disse que não viu nenhum tratamento com nojo por parte da repórter da Globo, que foi colocada em uma situação bem difícil.  A matéria havia mostrado que com o forte frio que atingiu a cidade, apenas nesta madrugada, cinco moradores de rua faleceram.

Publicidade

Na reportagem, Sabina circulou por algumas ruas e falou sobre o frio, o forte vento que batia e o fato de algumas pessoas se recusarem a ir para abrigos da prefeitura, por diversos fatores.  A jornalista entrevistou um dos moradores de rua, tentando entender o porquê eles não ficavam nos abrigos. O morador começou a criticar autoridades e a repórter começou a afastar o microfone dele.  Essa atitude foi a que causou polêmica nas redes sociais. 

Publicidade

Mais tarde, coube a Bocardi ler comentários elogiando a repórter. “Triste ver a falta de compaixão do próximo. Eu não vi o desconforto de Sabina, e sim carinho e cuidado com o entrevistado”, disse um dos internautas. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.