in

Veja o final trágico do casal que raptou as próprias filhas

Montagem/Gabriela Elena

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP) de Sergipe, o casal suspeito de raptar as filhas biológicas foi encontrado no início da noite desta quinta-feira (1) em Porto da Folha, SE, junto com as duas meninas de 2 e 3 anos, que estavam sob guarda judicial provisória com um parente da família.

Publicidade

Na ação que encontrou os suspeitos, o pai foi baleado ao ser cercado pela polícia e ainda assim reagir, o mesmo foi levado ao hospital, mas não resistiu, já a mãe foi presa em flagrante, enquanto as meninas foram encaminhadas ao Conselho Tutelar.

A invasão na casa da família onde as duas filhas estavam ocorreu na última quarta-feira, dia 31, que contou com os pais armados com uma faca e revólver. A mulher que estava na residência foi trancada no banheiro para então as meninas serem levadas pelo casal.

Publicidade

Esta é a segunda vez que o casal perdeu a guarda das filhas, a primeira foi em outubro de 2017, ambas, pelo mesmo motivo, negligencia e maus tratos às meninas. E segundo a advogada do casal, Jane Glécia, que não sabia do plano dos pais, a atitude deles foi de desespero por terem perdido mais uma vez.

Publicidade

O casal possui mais uma filha além das que foram raptadas, de 2 anos, mas não se sabe onde ela se encontra, com o Conselho Tutelar ou com algum parente da família. Da mesma forma, as meninas raptadas encaminhadas, ainda esperam a justiça decidir sobre o paradeiro de ambas. 

Publicidade

Além dos pais e das crianças, a polícia também encontrou no local o revólver, a faca, e a motocicleta roubada pelo casal na noite do crime, juntamente com dois aparelhos celulares usados por eles. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade