in

Corinthians gera polêmica ao contratar meio-campista: ‘que vergonha’

Divulgação / GloboEsporte.com

O Corinthians segue em busca de novos jogadores no mercado da bola. Embora seja forte no mercado de contratações, o clube também é conhecido por dar oportunidades para jogadores que atuam em equipes de menor expressão ou renegados por outros times do Brasil.

Publicidade

Além de estar realizando novas contratações para o time principal, a diretoria do Corinthians também demostra muita preocupação com a equipe sub-23, que foi formada neste ano, com a intenção de dar novas oportunidades para os atletas mais jovens.

A criação dessa nova categoria deixou os torcedores animados, já que teria a possibilidade de jovens promissores terem mais oportunidades dentro do clube, sem precisar cedê-los para outras equipes. No entanto, uma nova contratação deixou a torcida furiosa.

Publicidade

A diretoria do Corinthians gerou polêmica ao anunciar a contratação do meio-campista Franzinho para a categoria sub-23. Aos 27 anos, o jogador será um dos quatro nomes acima da idade que são permitidos para a disputa do Campeonato Brasileiro de Aspirantes.

Publicidade

Ao saber da informação, a torcida do Corinthians fez diversas críticas ao presidente Andrés Sanchez, que foi eleito na temporada passada. Contudo, o mesmo ainda não se posicionou em relação a essa situação.

Publicidade

Que vergonha! Máfia nojenta! Empresários mamando na cara dura“, esbravejou esse torcedor, através de um comentário na notícia que foi divulgada pelo site Meu Timão. “Presidir sem concelho de fiscalização e sem oposição é muito fácil! Está aí a prova“, comentou esse outro corintiano.

O que está gerando tanta polêmica é o fato do jogador ser filho do conselheiro Fran Papaiordanou. O meia já estava treinando no clube, mas sua contratação foi oficializada na última segunda-feira (24).

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Vinicius Araújo

Redator i7 Network - Notícias do mundo do futebol.