in

O adeus a Thalles: saiba como foi o enterro do jogador

Davi Barros

O atacante Thalles, de 24 anos, morreu em um acidente de moto, na cidade de São Gonçalo, no sábado (22). A morte do jovem atleta, que pertencia ao Vasco e estava emprestado à Ponte Preta, causou grande comoção no futebol.

Publicidade

Thalles era uma jovem promessa do futebol brasileira e gostava bastante de andar de moto. No sábado, a moto em que ele estava bateu na Avenida Almirante Pena Boto, no bairro Monjolos.

Além de Thalles, Yuri Sergio Luparelli, de 26 anos, também morreu no acidente. Outras três pessoas ficaram feridas. O corpo do atacante foi sepultado na tarde de domingo, no cemitério Parque Niterói, em São Gonçalo, cidade onde o jogador passou a infância. Parte da família dele mora no município.

Publicidade

O enterro foi marcado por grande comoção. Familiares e amigos choraram muito com a perda de um jovem de 24 anos, com todo o futuro pela frente. Jogadores do Vasco estiveram presentes na despedida a Thalles. Henrique e Gabriel Félix, por exemplo, o conheciam desde as categorias de base da equipe cruz-maltina.

Publicidade

O treinador do atacante no Vasco e na Ponte, Jorginho, também foi ao cemitério dar o último adeus. O treinador chegou a dar entrevistas dizendo que havia pedido para Thalles parar de andar de moto quando treinou o atleta.

Publicidade

O presidente do Vasco, Alexandre Campello, também marcou presença no sepultamento. O jogador tinha contrato com o clube carioca e estava emprestado à Ponte Preta.

Durante o sepultamento, muitas pessoas usavam camisetas do Vasco, cantaram o hino do clube e a tradicional música “Casaca”. Thalles era vascaíno desde criança e realizou o sonho de jogar pela equipe que torcia.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!