in

Caetano e Monica choram ao assistir filme sobre Dilma e viram piada por pequeno detalhe

Reprodução: Gaúcha

Filmes costumam mostrar um pouco da nossa realidade, especialmente quando são realizados no formato de documentário. Disponibilizado em streaming pela Netflix nesta semana, o documentário Democracia em Vertigem conta um pouco da história recente do Brasil, mostrando especialmente como foi a saída da ex-presidente Dilma Rousseff do poder. 

Publicidade

A obra, é claro, está mexendo com as emoções de gente famosa. Algumas delas são claras apoiadoras da legenda de Dilma, o Partido dos Trabalhadores (PT). Alguns famosos chegaram a chorar quando assistem ao filme. É o caso da atriz Monica Iozzi, que vive uma publicitária na atual novela das nove global, A Dona do Pedaço. 

O filme feito por Petra Costa fez a atriz ir em lágrimas. Além dela, quem apareceu chorando foi o cantor Caetano Veloso. No entanto, nas redes sociais, ambos foram zoados por um pequeno detalhe. Para apoiadores do presidente Jair Bolsonaro, o choro da dupla seria uma espécie de dor de cotovelo, afinal, o PT depois de quase dezesseis anos no poder deixou o governo.

Publicidade

“Sinceramente, acho que esse artistas só se queimam com essas frescuras, e Dilma e Lula não vão fazer nada por eles, antigamente eu admirava Caetano, hoje eu tenho nojo, essa Mônica , nunca fedeu nem cheirou, agora apodreceu”, disse um dos internautas ao comentar a repercussão da situação no Twitter, como pode ser visto acima. 

Publicidade

Outros até inverteram o motivo do choro dos dois. “A petezada toda chorou de emoção e alegria no impeachment da Dilma ao ver moro salvar o Brasil de se transformar em uma nova Venezuela na América Latina“, escreveu mais um internauta, como mostra a incorporação feita acima. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.