in

Após especulações, Corinthians pode vender atacante por R$ 84 milhões

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians começou a valorizar mais seus jogadores nos últimos anos, colocando multas contratuais elevadas. Mesmo assim, clubes do exterior são desejos de muitos atletas que atuam no futebol brasileiro. Desta forma, dificilmente as multas de contrato impedem uma transferência.

Publicidade

Em temporadas anteriores, o Corinthians sofreu muito com saídas de jogadores, pois eles tinham uma multa muito baixa, facilitando ainda mais a possibilidade de compra das equipes do exterior. Agora, o clube paulista deve começar a lucrar mais com vendas de atletas.

Nas últimas semanas, o Timão ficou sabendo de possíveis clubes da Europa em contratar o meia-atacante Pedrinho, um dos principais jogadores que foram formados nas categorias de base. Aos 21 anos, ele foi convocado recentemente para atuar na Seleção Brasileira sub-23.

Publicidade

O torneio que a Seleção estava disputando era amistoso, mas foi o suficiente para Pedrinho mostrar seu bom futebol, o que chamou ainda mais atenção de outros clubes. O assédio dessas equipes deve aumentar ainda mais, já que o Brasil foi campeão do torneio, tendo Pedrinho como um dos principais jogadores da equipe.

Publicidade

Ciente que voltará a receber propostas para liberar o meia-atacante, a diretoria do Corinthians decidiu vender Pedrinho por cerca de R$ 84 milhões. Pelo menos é o que informa o jornalista Jorge Nicola. No entanto, vale destacar que a atual multa contratual do atleta é de R$ 220 milhões.

Publicidade

Ao que tudo indica, o Timão deve começar a receber novas ofertas para vender Pedrinho a partir do próximo mês, quando abre a janela de transferências do exterior. Sendo assim, o técnico Fábio Carille pode perder um importante nome em seu elenco no segundo semestre.

Os representantes já foram procurados de forma mais incisiva por dirigentes do Borussia Dortmund, mas existem sondagens de Barcelona, Atlético de Madrid e Bayern de Munique.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Vinicius Araújo

Redator i7 Network - Notícias do mundo do futebol.