in

Apresentador da Globo é colocado em porta-malas e bandidos decidem queimá-lo vivo

Arte / Fernando

O trabalho de repórter pode ser complicado em algumas emissoras. É o que mostra o que ocorreu com um famoso apresentador e jornalista do canal filiada da Globo. Recentemente, o profissional dirigia o seu carro na Bahia, quando foi vítima de assaltantes. Os detalhes, a seguir, mostram uma verdadeira “luta” do contratado do canal. 

Publicidade

Jony Torres teve o seu veículo interceptado por bandidos e como estava sem o aparelho telefônico, os criminosos teriam decidido que ele deveria ser assassinado. O corpo do apresentador da Globo em Salvador foi colocado no porta-malas do veículo e, na sequência, os criminosos decidiram queimá-lo vivo. 

Ao pedir piedade para os sequestradores por causa dos dois filhos pequenos, ouviu de um deles: “Eu também não tive pai para me criar“. O repórter afirmou que se sentiu mais violentado psicologicamente que fisicamente pelos dois criminosos. Ainda assim, os bandidos continuam com a ação, sem ter qualquer pena do profissional. 

Publicidade

Eles então colocaram um revólver na cabeça do apresentador. Ele deu para os bandidos sua carteira. No acessório, estaria uma quantia de cerca de R$ 400. Na sequência, decidindo acabar com qualquer prova, os bandidos colocaram o profissional dentro do veículo e atearam fogo. 

Publicidade

Veja abaixo uma foto do jornalista Jony Torres comandando o festival de Verão, na afiliada da emissora, em Salvador, na Bahia:

Publicidade

Os criminosos foram embora e antes que o veículo fosse completamente consumido pelas chamas, o fato terminou de forma surpreendente. O jornalista conseguiu sair pelo banco de trás e sobreviveu para contar essa história. Apesar do susto, ele estaria bem. 

Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.