in

Luto na música: cantor Tony morre vítima de câncer de pâncreas

O mundo da música está em luto após a morte do vocalista da amada banda folclórica do noroeste, Houghton Weavers, que morreu na noite de quinta-feira, após uma longa batalha contra o câncer de pâncreas. Tony Berry, tinha 69 anos, e fazia parte do quarteto formado pela primeira vez em 1975.

Publicidade

Segundo o site The Nolton News, o cantor foi diagnosticado com câncer no ano de 2014, porém, nunca deixou de cantar na banda.
Os próprios companheiros do grupo, David Littler, Steve Millington e Jim Berry fizeram uma homenagem especial em seu site para o artista. 

É com uma profunda tristeza que os Houghton Weavers devem anunciar o falecimento de nosso muito amado vocalista, Tony Berry. Tony, que faleceu pacificamente na noite de quinta-feira, 13 de junho, em casa com sua família, após uma doença prolongada. Tony vai fazer muito a falta, mas permanecerá eternamente em nossos corações e pensamentos“, dizia a nota de falecimento. 

Publicidade

Fãs do grupo lamentaram a morte do cantor e deixaram mensagens de conforto na página oficial do grupo no Facebook. Tony Berry, antes de virar cantor, trabalhou como professor em uma escola para surdos. 

Publicidade

Tony era um cantor solo, antes de fundar o grupo folclórico ‘Houghton Weavers’ com David, o irmão de David, Dennis, John Oliver e Norman Prince.  Tony é o segundo da esquerda para a direita.

Publicidade

O grupo alcançou a fama depois de participar de um programa de talentos da BBC, “We Call You”. A banda gravou mais de 30 álbuns. Tony era casado e deixa a esposa, Andrea, e três filhos, Amy, Tom e Jack e uma neta, Thea.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Francisco Nunes

Barbeiro profissional.