in

PSG pode receber uma fortuna por causa de lesão de Neymar em jogo da seleção brasileira

Reprodução: IG

Na noite desta quarta-feira (05), Neymar entrou em campo com a seleção brasileira, apesar da polêmica envolvendo seu nome – horas antes do jogo vazou imagens dele com a mulher que está o acusando de estupro. Chegaram a circular rumores que por causa da pressão, o camisa 10 ficaria de fora do amistoso contra o Catar, o que não aconteceu.

Publicidade

Mas Neymar ficou apenas 17 minutos em campo, ele sofreu uma nova lesão e aos prantos deixou o gramado. O craque foi atendido no vestiário, mas depois precisou ser levado para um hospital em Brasília.

Confirmada a lesão, a CBF informou que o craque está fora da Copa América por causa da ruptura do ligamento no tornozelo direito. Além de não disputar a Copa América, Neymar também não poderá defender o Paris Saint-Germain, seu atual clube.

Publicidade

O jornal Le Parisien, informou que o jogador brasileiro poderá ficar um bom tempo longe dos gramados. Se for uma ruptura parcial serão 4 semanas para se recuperar, mas se for preciso passar por uma cirurgia, então este tempo aumenta para 4 meses.

Publicidade

Dependendo do tempo que Neymar ficar afastado, a Fifa pode ser obrigada a pagar uma indenização ao Paris Saint-Germain, por causa do ‘Programa de Proteção de Clubes’. Esse programa funciona como se fosse um ‘seguro para lesões’ em jogadores que deixam um time para defender a seleção de seu país.

Publicidade

De acordo com o regulamento da Fifa, a indenização acontecesse após 28 dias de ausência do jogador e o valor máximo que pode ser pago é de R$ 7,5 milhões de euros por ano, o que equivale a R$ 32,7 milhões.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Russel

Sempre ligado a tudo que acontece no Brasil e no mundo, estou sempre trazendo as últimas notícias sobre o mundo dos famosos, reality shows, filmes, músicas, novelas e programas de televisão de um modo geral. Aqui você ficará sempre muito bem informado. Se quiser entrar em contato, fique à vontade: russelmy@yahoo.com.br