in

Senador Romário teria enganado a todos e agora pode ser preso

O Globo / Reprodução

O Senador Romário Farias é um dos nomes mais conhecidos da polícia nacional. No entanto, segundo o Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ), ele teria enganado a todos diante de um caso de grande repercussão. A suposta mentira de Romário teria ocorrido no ano de 2017, quando ele se envolveu em um acidente de carro, no Rio de Janeiro. 

Publicidade

No documento divulgado pelo portal de notícias da Globo, Romário é acusado de dizer que seu carona é quem dirigia o veículo onde ele estava. O carro acabou colidindo com uma mota. O motociclista, na época, acabou ficando ferido. O acidente ocorreu na Barra da Tijuca e o Ministério Público ouviu testemunhas, que teriam confirmado que Romário Farias é quem dirigia o veículo. 

Romário pode ser preso por até um ano, após exposição de suposta mentira

Para piorar a situação, o Senador estava dirigindo com a carteira de habilitação suspensa. Não foi informado pelo G1 se o documento tinha perdido a validade, ou se havia chegado ao máximo de infrações. Devido ao documento suspenso, o  Senador sequer poderia conduzir o veículo. 

Publicidade

Veja abaixo uma foto que mostra o acidente envolvendo o ex-jogador de futebol e Senador Federal, Romário de Souza Faria:

Publicidade

Marcelo António Soares Wagner, amigo de Romário, também conhecido como Tokão, no dia do acidente, disse que era ele quem estava dirigindo o veículo que se envolveu no acidente. Para o Ministério Público, com base em relato de testemunha, Romário e Marcelo mentiram sobre quem estava no volante. Em caso de condenação, agora o Senador carioca pode ficar até um ano na cadeia. De acordo com a assessoria de Romário, ele já está ciente do processo e vai responder o caso apenas na justiça. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.