in

Mendigo é condenado por dar ‘chupão’ no pescoço de mulheres e adolescentes

Divulgação/Abrilsuperinteressante

Um mendigo foi condenado pela 3ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Santa Catarina por dar ‘chupões’ em mulheres e também adolescentes. Segundo consta no processo, o suspeito costumava abordar as vítimas no centro da cidade para pedir dinheiro ou então comida, depois dizia que iria dar um abraço nelas e era quando as atacava.

Publicidade

O assunto logo viralizou em Blumenau, Santa Catarina, sendo que muitos queriam saber quem era o ‘abusado’ que estava dando ‘chupões’ nas mulheres em plena luz do dia e na frente de todo mundo.

A Justiça chegou à conclusão que o mendigo agarrava as vítimas à força e rapidamente dava beijos no pescoço delas. Teve uma vítima que disse que o sujeito chegou a passar a mão em seu corpo, então ela o empurro e saiu correndo.

Publicidade

O sujeito foi acusado dos crimes de violação sexual mediante fraude e também de importunação ofensiva ao pudor. O processo movimentado contra o mendigo ainda aponta que os ataques realmente eram feitos à luz do dia, bem próximo a uma escola, e todos os detalhes foram divulgados pelo Tribunal nesta última segunda-feira (03).

Publicidade

O advogado de defesa do acusado chegou a pedir a absolvição atipicidade das condutas, alegando até mesmo que faltaram provas suficientes. No processo consta que o acusado chegou a confessar que atacou algumas mulheres porque estava alcoolizado.

Publicidade

O desembargador Leopoldo Augusto Bruggemann, relator deste caso, alegou que a embriaguez não exclui a ‘culpabilidade do apelante’. O mendigo foi condenado a 2 anos e 4 meses de reclusão em regime aberto.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Russel

Sempre ligado a tudo que acontece no Brasil e no mundo, estou sempre trazendo as últimas notícias sobre o mundo dos famosos, reality shows, filmes, músicas, novelas e programas de televisão de um modo geral. Aqui você ficará sempre muito bem informado. Se quiser entrar em contato, fique à vontade: russelmy@yahoo.com.br