in

Record lucra alto com tragédia de Gabriel Diniz e números impressionam

Foto/Reprodução: Record

Um programa de televisão arrecada conforme sua audiência. Atrações como o Jornal Nacional, que varia seu  Ibope em cerca de 28 pontos na grande São Paulo, chegam a cobrar quase R$ 400 mil por um simples intervalo de 30 segundos no ar. Outras atrações de menor prestígio podem fazer comerciais pela bagatela de R$ 30 mil.

Publicidade

No Ibope da tarde, a Record tem muito o que comemorar, ainda que parte do seu sucesso dependa um pouco da tragédia alheia. De acordo com informações do site Notícias da TV, graças à morte do cantor Gabriel Diniz, o programa Balanço Geral – São Paulo tem batido recordes de Ibope. 

Na semana passada, o quadro Hora da Venenosa, que é comandado pela jornalista Fabíola Reipert, marcou 10 pontos de audiência na grande São Paulo,  contra 8,8 pontos da Rede Globo de Televisão, que no horário substituiu o Vídeo Show pelos filmes da Sessão da Tarde. 

Publicidade

Nessa semana, com à morte do cantor sertanejo Gabriel Diniz, vítima de um acidente de avião, os números aumentaram. A Record marcou incríveis 12,4 pontos, um aumento de 24% em apenas uma semana. A Globo, que chegou também a cortar o filme na segunda-feira para mostrar o noticiário sobre o falecimento do artista, entre segunda e quarta-feira, 29 de maio, marcou apenas 8,8 pontos.

Publicidade

Ou seja, no começo dessa emissora a distância entre as emissoras foi de quase 4 pontos no Ibope da grande São Paulo. Cada ponto equivale a 73.015 domicílios na cidade. Os números servem como reflexo para o mercado publicitário e colocam um grande problema para a Globo. 

Publicidade
Publicidade
Destaque: Mulher quase é presa por emagrecer demais! Confira
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.