in

Pastora que disse que Gabriel Diniz foi para o inferno sofre terrível castigo

Reprodução/Folha Notícias

Nesta quinta-feira, 29 de maio, a pastora evangélica Julia Tuma, que também tem um canal no Youtube usando o nome de Juliana Tuma, sofreu um revés após seus comentários repercutirem mal. 

Publicidade

Para quem não lembra, a pastora acabou atacando o músico Gabriel Diniz, famoso pelo hit Jenifer. A pastora está sofrendo um duro castigo, ainda que online. Ainda não se sabe se familiares pretendem processar a religiosa, após os seus comentários polêmicos. 

Veja abaixo o vídeo em que a pastora evangélica ataca o cantor. Dá para ouvir no fundo que no momento em que ela fazia o vídeo atacando o cantor, ainda eram dadas as primeiras informações sobre a morte do artista. Ela chega a dizer o nome de Gabriel errado no vídeo. 

Publicidade

De acordo com a pastora, o cantor teria ido para o inferno, já que, segundo ela, ele “cantava para o diabo” e que por isso “foi para o inferno”. A declaração foi feita, justamente, quando o país ainda tentava entender uma tragédia tão grande no mundo musical. 

Publicidade

Nas redes sociais, muita gente ficou indignada com a pastora evangélica. A internauta acima, por exemplo, diz que a bíblia ensina que não devemos julgar para evitar o próprio julgamento no juízo final, mostrando não concordar com as atitudes da líder religiosa. 

Publicidade

Outras pessoas também fizeram questão de compartilharem a frase dita pela pastora em sua rede social, mostrando que não concordavam nada com a ideia dela. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.