in

PSG confirma treinador e um problema com Neymar

UOL Esporte

O Paris Saint Germain confirmou que Thomas Tuchel vai seguir no time, renovando sua ligação até 2021. O treinador foi contestado durante a temporada, especialmente após a derrota na Champions, perante o Manchester United. Porém, a diretiva do time achou por bem dar um pouco mais de tempo para o treinador alemão. Afinal, estar sempre trocando de treinador não está dando resultados no time e, agora, o PSG vai apostar na continuidade de Tuchel.  

Publicidade

Temporada complicada para o PSG

A temporada não foi perfeita. Embora o título da Liga francesa acabou salvando o ano, a realidade é que se esperava muito mais de um time com jogadores como Neymar, Mbappé, entre muitas outras estrelas. O investimento vem sendo muito forte e nem assim, o time sobe para um nível acima. 

O PSG falhou novamente na Champions, e até mesmo nas Copas da França. Além disso, foram gerados problemas, nomeadamente com Neymar e Mbappé, e a temporada estaria terminando com divergências entre a diretiva e o próprio treinador Thomas Tuchel. 

Publicidade

Tuchel incomodado com Neymar

Mbappé deixou entender que quer ir embora e, depois disso, Neymar foi mesmo. O jogador brasileiro parece ter antecipado sua viagem para o Brasil, o que não teria agradado nem um pouco para o treinador. Tuchel não contou com Neymar para o último treinamento, porque o craque foi embora antes do último jogo. E sem permissão do treinador, segundo o próprio Tuchel. 

Publicidade

Parece s posições dos líderes do PSG seriam mais permissivas em relação a Neymar, ao contrário do pensamento do alemão.  “Neymar foi liberado pelo PSG? Não, não por mim, não é uma decisão esportiva, não cabe a mim tomar a decisão de liberá-lo ou não”, falou Tuchel, mostrando algum desconforto por essa medida tomada pela diretiva parisiense.

Publicidade
Publicidade
Publicidade