in

Mensagens no WhatsApp provariam quem está traindo Bolsonaro: ‘logo ele’

Veja / Whatsapp / Fernando

De acordo com informações do site Folha de São Paulo, em uma matéria publicada neste domingo,  26 de maio, o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, estaria sendo traído pelo centrão por meio de mensagens no aplicativo WhatsApp. O mesmo grupo que estaria agora traindo o presidente, segundo o jornal, tentou uma aproximação com o líder do PSL. 

Publicidade

O grupo de deputados que estaria traindo Jair seria em torno de 200 dos mais de 500 parlamentares e formariam a chamada “velha política”, que acredita que o que funcione seja o “toma-lá-dá-cá”. A expressão é utilizada na hora de negociar cargos públicos por apoio em determinado projeto. 

Agora esse grupo expressa que, não importe o que Bolsonaro faça, eles não estariam mais com ele. Curiosamente, as supostas mensagens de traição no aplicativo WhatsApp aparece no dia em que grandes manifestações a favor do presidente estão marcadas para acontecerem em todo o país. 

Publicidade

Bolsonaro até teria tentado voltar com esse grupo grande, recriando dois ministérios. No entanto, as negociações não teriam funcionado. Estaria apoiando o grupo, ainda que de maneira branda, nomes como Rodrigo Maia, presidente da câmara. 

Publicidade

Manifestações pró-Bolsonaro em mais de 300 cidades

Por meio das redes sociais, os organizadores das manifestações pró-Bolsonaro convocaram atos em pelo menos 312 cidades brasileiras.
O estado de São Paulo lidera o número de municípios com manifestações programadas: 63 cidades. Dê no que der as manifestações bolsonaristas marcadas para hoje, o Congresso não se deixará abater por elas, segundo informações da Veja.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.