in

Vídeo: ‘Voltei do inferno e tenho missão para cumprir’, disse atirador de Paracatu

OTempo

A população de Paracatu, em Minas Gerais, está em choque desde a noite desta última terça-feira (21), quando Rudson Aragão Guimarães promoveu um verdadeiro massacre na cidade. O ex-militar matou a ex-namorada e foi a uma igreja evangélica, procurando pelo pastor.

Publicidade

O Coronel Luís Magalhães deu uma declaração à imprensa, dizendo que o sujeito arrombou o portão da igreja e entrou procurando pelo pastor, enquanto dizia que voltou do inferno para cumprir uma missão.

Ainda segundo o Coronel, Rudson agia de forma descontrolava, fez alguns disparos matando três pessoas e só os militares atiraram nele.

Publicidade

Massacre em Paracatu

Na noite desta última terça-feira (21), quatro pessoas foram assassinadas na cidade mineira, que fica na região noroeste do estado. Primeiro ele matou a ex-namorada, Heloísa Vieira Andrade, de 59 anos, depois foi para a igreja e assassinou mais duas mulheres e também o pai do pastor, o senhor Antônio Rama, de 66 anos.

Publicidade

O Major Flávio Santiago foi à casa de sua mãe, onde se encontrava também sua irmã e a ex-namorada. As três estavam em oração, quando Rudson chegou e matou a ex-companheira usando uma faca.

Publicidade

Em seguida se dirigiu à igreja Batista de Paracatu, onde estavam cerca de 20 pessoas participando de uma reunião. Ele arrombou a porta e com uma garrucha calibre 36 começou a fazer os disparos. Os policiais chegaram pouco depois e tentaram negociar a rendição do sujeito, mas como ele continuou atirando, os PMs revidaram e acertaram Rudson, que foi levado para o hospital da cidade.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Russel

Sempre ligado a tudo que acontece no Brasil e no mundo, estou sempre trazendo as últimas notícias sobre o mundo dos famosos, reality shows, filmes, músicas, novelas e programas de televisão de um modo geral. Aqui você ficará sempre muito bem informado. Se quiser entrar em contato, fique à vontade: russelmy@yahoo.com.br