in

Ator demitido pelo SBT critica Bolsonaro e diz o que falta em novela infantil: ‘casal gay’

Reprodução / SBT

O ator Nando Cunha, de 62 anos, está se despedindo da novela As Aventuras de Poliana, do SBT, em que interpretou Ciro. Na quarta-feira (15), o ator não teve o contrato renovado pela emissora de Silvio Santos e seu personagem terá uma morte trágica na novela escrita por Íris Abravanel.

Publicidade

Ao deixar a emissora, Nando polemizou e sobrou até para o presidente Jair Bolsonaro. Segundo o ator, a novela infantil tem um texto conservador. “Eu vejo um texto extremamente de direita. Eles querem passar a história de uma família conservadora tradicional brasileira e coisas dessa nova onda, e não mostram a diversidade”, afirmou, em entrevista ao Notícias da TV.

Nando afirmou ainda que o pensamento do SBT, de Silvio Santos e do presidente Bolsonaro é conservador. Em sua opinião, o Brasil vive um retrocesso econômico e cultural. Por conta disso, acredita ele, Bolsonaro foi eleito presidente.

Publicidade

“A novela não dialoga com os diversos tipos de relacionamentos que temos na sociedade; [não tem] um casal gay, as diversas formas de gênero…”, disparou Nando Cunha, que antes de chegar ao SBT passou por novelas da Rede Globo.

Publicidade

Experiente na função de ator, ele criticou o texto de Íris Abravanel. Segundo ele, pessoas que o encontravam na rua criticavam o andar moroso do folhetim infantil do SBT. Apesar das críticas, Nando, acostumado a trabalhos mais liberais e chocado com o conservadorismo nos bastidores de Poliana, também fez elogios.

Publicidade

A atriz infantil Duda Pimenta, que interpreta Kessya na trama, foi elogiada pelo ator, que classificou o trabalho dela como maravilhoso e a chamou de “princesa de Uganda”.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!